Segurança para chamadas de vídeo e voz do Slack

Procurando detalhes sobre a segurança dos recursos de voz e vídeo do Slack? Você está no lugar certo! 

Dica: se tiver um problema de conexão, áudio ou vídeo com as Chamadas do Slack, clique aqui para começar a solucioná-lo.


Segurança

Usamos o padrão WebRTC para comunicações em tempo real com as técnicas de segurança recomendadas mais atuais. Veja como protegemos a integridade e a confidencialidade de uma chamada:

  • Todo o tráfego é criptografado em trânsito.
  • O tráfego de mídia é criptografado com SRTP usando uma troca de chaves DTLS-SRTP.
  • O tráfego de dados em tempo real do canal é criptografado com DTLS.
  • São utilizados HTTPS ou WebSockets seguros usando TLS 1.2 para sinalizar a comunicação com nosso servidor de mídia.


Outras informações

Gravações ou transcrições de chamadas não são registradas nem armazenadas no Slack.

Armazenamos alguns metadados das chamadas, incluindo o nome, onde ela foi iniciada (canal ou mensagem direta), quem começou e participou dela, o horário de término e quando os membros entram ou saem da chamada.

As métricas gerais de desempenho, como latência e tremulação, também são armazenadas para nos ajudar a melhorar a experiência em chamadas de voz e vídeo. 

Para fornecer conexões de mídia com a menor latência possível (ou atraso), os endereços IP públicos e privados de um dispositivo podem ser compartilhados com outros dispositivos durante uma chamada.

Observação: as chamadas de voz e vídeo do Slack fazem parte do mesmo programa de segurança do restante do Slack. Para mais informações, visite nossa Política de segurança.

Dica: se você tiver perguntas sobre segurança ou como fazer chamadas no Slack, fale conosco. Será um prazer ajudar você!